Sábado, 15 de Junho de 2013

Que Obama é um Presidente "cool", lá isso é!

Muitos podem criticar as suas políticas e até mesmo não gostar do seu estilo de governação, mas não há dúvida que Barack Obama imprimiu um novo estilo à figura tradicional do político "cinzento" e totalmente ignorante em relação às tendências urbanas.

 

O talentoso Eminem é um dos artistas favoritos de Obama, que certamente gostará bastante desta música Not Afraid, com uma mensagem positiva para a sociedade.

 

Alguém estaria a ver Cavaco Silva, Passos Coelho ou António José Seguro a gostarem, por exemplo, de Samuel Úria, Boss AC ou Sam the Kid?

 

Provavelmente nem sabem quem são.

 

publicado por Alexandre Guerra às 23:49
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2012

Word-of-Mouth - Miguel Reis

 


 

Consumo: 10 L(ikes) / 100km

 

por: Miguel Reis

Account na Parceiros de Comunicação

 

  

Há uma mística no mundo automóvel. É inegável. A eterna combinação homem - máquina move paixões. A procura da afinação perfeita. Os cabelos ao vento, a liberdade. O domínio absoluto.

 

Há um brilho que fica nos olhos sempre que (re)vemos Steve McQueen em Bullitt.

 

Algo mexeu connosco quando vimos o MadMax. pela primeira vez. Há algo que nos faz sentir vivos quando vemos a volta perfeita de Airton Senna em Donington Park. Mais recentemente em Death Proof ou nos vídeos virais da DC Shoes centrados na arte de condução do Ken Block. Estes e tantos outros episódios ajudaram a posicionar o automóvel como um objecto de culto e respeito e a construir heróis em seu redor.

 

Mas como será o futuro? Será que os teenagers de hoje ainda sentem esta adrenalina? Será que a relação de idolatração se mantém?

 

De acordo com este artigo da Business Insider, a relação dos teenagers norte-americanos face aos automóveis tem vindo a mudar. Há cada vez menos jovens a adquirir a licença de condução e conduz-se cada vez menos no país de forma geral. A culpa tem fundamentos económicos, pois claro, mas uma análise ao tema revela uma curiosa tendência que demonstra o impacto das redes sociais em sectores tão emotivos como o automóvel. Refira-se que este impacto é ainda mais supreendente pela ligação histórica do país ao mundo automóvel... olhe-se para o peso da GM ou Ford no país.

 

O estudo refere que esta tendência deve-se também à internet. A deslocação já não é assim tão essencial para manterem contacto com os amigos. A vida dos jovens é vivida online. A sociabilização faz-se cada vez mais ao computador, no telemóvel, tablets e afins, sem que tenha de haver uma deslocação física. As 4 rodas são substituídas pelas 2 mãos.

 

O consumo vai deixar de ser feito em gasolina, mas em tempo e não será medido em litros, mas em likes. Será esse o preço a pagar para manter e reforçar a estrutura sociológica do grupo.

Será em likes que os teenagers visitam os seus amigos, os seus ídolos e os seus heróis.

 

Curiosamente, o Facebook, esteve presente na Consumer Electronics Show onde apresentou  uma versão da rede social optimizada para automóveis. A nova versão do Facebook foi desenvolvida em conjunto com a Mercedes e vai ser integrada no sistema de navegação de alguns modelos da fabricante automóvel alemã.

 

Times of change...

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 09:15
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 24 de Julho de 2009

Gen X e Y by OAK

Para análise, um estudo feito pela OAK, já referenciado no Brief do Lombo e no Dissonância Cognitiva.

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 11:38
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

arquivos

pesquisar

subscrever feeds