Terça-feira, 5 de Novembro de 2013

WOBI - Tom Peters

Como tinha aqui mencionado estou a assistir ao WOBI Milano, conferência onde alguns portugueses vieram marcar presença.

 

Esta conferência, de dois dias, abriu com a palestra de Tom Peters, um dos pensadores (e inspiradores) de gestão empresarial mais influentes das últimas 3 décadas. A par de Peter Drucker é visto como um dos maiores impulsionadores da gestão moderna. 

Tom Peters começou com a afirmação de que não trazia nada de novo, que apenas iria lembrar-nos de coisas banais que fazem a diferença. E assim foi! A palestra trouxe pouco de conhecimento mas muito de inspiração.

 

(Por mais díficil que possa ser resumir uma palestra que foi, acima de tudo, inspiracional e não formativa, vou tentar!)

 

De forma a simplificar este artigo, organizei algumas das ideias principais:

 

1.Não percam tempo com a estratégia

Se a execução é boa, não importa a estratégia!”. Já dizia Fred Malek “Execution is Strategy”. Bloomberg chegou a afirmar que “a nossa vantagem competitiva é que agirmos desde o dia 1... e quando os outros estão a lançar o primeiro produto nós estamos a lançar a quinta versão. Porquê? Perderam meses a planear como planear

 

2.Formem os vossos recursos

Enquanto líderes muitas vezes esquecemo-nos de formar as pessoas da nossa empresa. Um líder deverá aspirar não ter seguidores mas criar mais líderes!

Tom Tib´s mencionou” Your principal moral obligation as a leader is to develop the skillset, “soft” and “hard,” of every one of the people in your charge (temporary as well as semi-permanent) to the maximum extent of your abilities. “ .

 

3. Aprendam a ouvir

Num estudo realizado constatou-se que, em média, um médico interrompe o paciente após 18 segundos. Muitos chefes têm o mesmo comportamento. A capacidade de ouvir é uma profissão e pode aprender-se. A parte má é que os homens não o conseguem fazer… é genético.

 

4.Mulheres são melhores chefes e líderes

As mulheres são melhores chefes e são também responsáveis por 80% das compras. Homens não sabem desenhar produtos para mulheres!

Headline do “The Economist”: “Forget China, India and the Internet: Economic Growth Is Driven by WOMEN.”

(APARTE: concordo :D)

 

5. Mostrem que valorizam os vosso recursos

As pessoas querem-se sentir valorizadas e, enquanto parte de uma empresa, também! As 4 palavras mais importantes numa organização são “What do you think ?”. Já dizia Mark Sanborn “Se os funcionários não se sentirem significantes, não farão contribuições significantes”.

Valorizem os managers de “primeira linha”. "As pessoas não abondondam empresas, abandonam (maus) chefes!" (Dave Wheeler).

Os líderes deverão ter o compromisso de contribuírem constantemente para o crescimento e felicidade dos seus funcionários.

Tratem os vossos recursos humanos como se fossem vossos clientes e façam pelo menos duas promoções por ano.

 

6. Aproveitem as LBTs

A LBTs (Little Big things) é que poderão levar às grandes ideias. Dificilmente se tem uma grande ideia, mas uma pequena que se tornou grande. (Kevin Roberts, orador deste primeiro dia, também reforçou esta ideia)

 

7. Façam do banal algo extraordinário

Tornem-se CXOs (Chied EXperience Officers)! Usem as redes sociais e outras plataformas para construir relações.

 

 

E deixo-vos uma quote que adorei “BE THE BEST! It is the only market that is not crowded”.

publicado por Virginia Coutinho às 20:09
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

arquivos

pesquisar

subscrever feeds