Quinta-feira, 25 de Outubro de 2012

Irá a Controlinveste vender aos angolanos os seus 23 por cento da LUSA?

Os contornos do eventual negócio são ainda pouco claros, mas de acordo com a informação que tem vindo a público (e até ao momento não desmentida), é muito provável que muitos dos activos da Controlinveste de Joaquim Oliveira sejam vendidos a um grupo angolano, supostamente com ligações à Newshold.

 

Caso a operação se concretize, Joaquim Oliveira alienará o Diário de Notícias, o Jornal de Notícias, o Jogo e a TSF, devendo manter apenas a Sport TV.

 

Mas esta manhã alguém chamou a atenção do autor destas linhas para o facto da Controlinveste ter um outro activo importante: um pouco mais de 23 por cento da LUSA.

 

Ora, se o negócio for por diante será que Joaquim Oliveira irá também vender a participação que a Controlinveste tem na agência noticiosa?

 

O PiaR sabe que este é um assunto que está a gerar preocupação e apreensão nos quadros da LUSA e ainda ontem terá sido debatido internamente.

 

É importante relembrar que a seguir ao Estado, o grupo liderado por Oliveira é o segundo maior accionista da LUSA. Ora, caso se confirmarem as notícias veiculadas nos últimos dias, é lógico supor que num futuro próximo uma boa parte da LUSA possa estar nas mãos de um grupo angolano.

tags:
publicado por Alexandre Guerra às 16:32
link | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

arquivos

pesquisar

subscrever feeds