Domingo, 16 de Setembro de 2012

Procura-se community manager

Trabalhar em Gestão de Redes Sociais / Community Management, passa por engolir muitos sapos (sim, essa horrível "tarefa" que uns toleram melhor do que outros).

 

Miguel Martins, editor de Multimédia do Expresso, pelos vistos, não tem a capacidade de engolir muitos, pelo que se pode ver nas imagens abaixo e na página de Facebook do jornal.

 

 

 

 

 

A reter:

- A comunicação através do Facebook não deverá ser subestimada. 

- A área de comunicação online está a ficar cada vez mais "profissionalizada" e existem diferentes perfis de profissionais para diferentes tarefas.

- Quando queremos falar em nome pessoal no Facebook e não da marca, devemos fazê-lo com o nosso perfil (no topo da página de Facebook que gerimos aparece a opção "alterar para Virgínia Coutinho").

 

Nota: Os meus agradecimentos ao André Novais de Paula que destacou o primeiro comentário no seu Facebook.

publicado por Virginia Coutinho às 13:17
link | comentar | favorito
1 comentário:
De Anónimo a 24 de Setembro de 2012
De facto é importante uma instituição, sobretudo se for um jornal como o Expresso, saber como agir adequadamente no facebook. Nomeadamente no caso de estar a prestar opiniões perfeitamente pessoais quando se deve afastar desse registo, muito embora, e infelizmente, esse seja um hábito recorrente nos jornalistas portugueses, mesmo em reportagens, e não apenas em comentários.
Por outro lado, para que não pareça que este blog tem uma tendência política: neste caso um desacordo com a manifestação de 15 de Setembro, para quando uma análise ao papel do facebook na manifestação e como ferramenta de cidadania?

Comentar post

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

arquivos

pesquisar

subscrever feeds