Sexta-feira, 20 de Agosto de 2010

é fazer as contas ...

 

O título acima, da notícia de ontem no Diário Económico, deixa-me preocupado!

 

Eu não gosto de fazer futurologia, mas daqui a um ano o sector arrisca-se a ter notícias a dizer que decresceu, e muito!

 

Eu também não sou contabilista e posso estar a ver mal a coisa, mas … se temos uma agência (Cunha Vaz & Associados) que obteve excelentes resultados, perto dos 20 milhões, estes 70 sem CV&A serão 50. Se o próprio António Cunha Vaz já referiu que as suas previsões para o mercado internacional neste ano serão cerca de 4 milhões, há um diferencial de 13. Ora retiremos estes 13 aos 70.

Alguém acredita que o restante mercado terá capacidade para compensar estes 13, de forma a que o sector se mantenha nos 70 milhões no próximo ano?

 

Ou está a escapar-me alguma coisa ou a visão estratégica foi de curto prazo. Curto prazo ou a velocidade da estratégia foi inimiga da razão.

publicado por Rodrigo Saraiva às 10:45
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

arquivos

pesquisar

subscrever feeds