Segunda-feira, 18 de Agosto de 2008

Consultoras de Bruxelas fazem comunicação ao mais alto nível

aqui, neste espaço, se falou sobre a estratégia de comunicação do Presidente georgiano no âmbito da actual crise que se vive no Cáucaso. Foi referido que Mikhail Saakhasvili tinha objectivos muito bem definidos no que diz respeito à mensagem a passar para o Ocidente (leia-se EUA e União Europeia).

 

Ontem, o Público, citando alguns meios internacionais, dava conta precisamente desse lado do conflito, no qual as public relations têm assumido um papel fundamental. O Guardian informava que Saakhasvili tinha contratado por 500 mil euros a Aspect Consulting, uma agência de comunicação de Bruxelas. Uma notícia confirmada pela própria agência que no seu site faz questão de anunciar precisamente o seu novo "cliente".

 

Também o Governo russo está a recorrer aos serviços da GPlus para "apoio logístico". Esta agência é especializada em assuntos europeus, tendo sido galardoada com o prémio de melhor consultora europeia de 2008 na área dos "public affairs".

 

Tanto o caso georgiano como o russo são bons exemplos de comunicação "corporate" ao mais alto nível, na qual estão em jogo interesses de Estado. Por isso, mais do que simples consultoras de comunicação, a Aspect Consulting ou a GPlus têm nos seus quadros especialistas de diversas áreas indo de encontro aos interesses dos seus "clientes". 

publicado por Alexandre Guerra às 15:32
link | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

arquivos

pesquisar

subscrever feeds