Sexta-feira, 15 de Julho de 2011

e no dia de aniversário do twitter ...

... no âmbito do especial “redes sociais” da edição impressa da Meios & Publicidade de hoje, fui desafiado a escrever um artigo sobre o twitter.

 

Um especial interessante com artigos e citações de diversos profissionais, que aconselho a atenta leitura.

 

Deixo o artigo que escrevi:

 

O passarinho que deve ser monitorizado

 

Um homem vai fazer uma viagem de negócios Toronto – Londres – Lisboa. No aeroporto canadiano escreve no twitter que lhe falta quarto de hotel em Lisboa. Recebe uma resposta de um hotel lisboeta a perguntar-lhe datas e necessidades, ao que responde antes de iniciar viagem. Ao chegar a Londres tem um tweet que lhe confirma a reserva do quarto. Surpreendido e satisfeito pela eficácia, aceita e partilha com a sua rede o facto.

 

Uma jornalista questiona, já com pouco tempo, se alguém conhece projectos inovadores que envolvam produtos com base em materiais recicláveis? Um consultor minutos antes tinha ouvido um colega falar que precisava de reforçar comunicação de um produto com essas características. Colocou os dois em contacto e a peça, televisiva, aconteceu.

 

Os dois exemplos acima são reais. E demonstram bem o potencial desta rede através de dois factores bem distintos, mas que não deixam de estar interligados: atenção e sorte! E podemos conjugá-los numa acção fundamental para quem olha para o mundo das redes sociais a nível profissional, a monitorização.

 

O twitter é atractivo pela sua simplicidade e quando bem “vivido” é, também, uma excelente ferramenta de construção e solidificação de network (relacionamentos e confiança) algo essencial nos dias que correm.

 

Como todas as redes, mais que a decisão de lá estar, o desafio é o saber estar. Quanto melhor se souber utilizar os “truques”, como as hashtags ou os RT, mais os níveis de influência e confiança serão maiores. Os utilizadores mais activos são exigentes e, por vezes, sente-se que existe um código não escrito. Muitas pessoas acham que tudo e todos estão no facebook; visão errada. Pois há pessoas que dedicam quase todo o seu tempo nas redes a esta plataforma do passarinho azul.

 

Mesmo para marcas e entidades, é uma plataforma com potencial. Embora algumas se aceite que apenas façam ouvir a sua voz, muitas não percebem o potencial de interagirem. Então se o fizerem aliado à tal monitorização que acima referi, aceleram o seu percurso, o seu negócio.

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 16:18
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 1 de Abril de 2011

e no dia 1 de Abril

publicado por Rodrigo Saraiva às 12:45
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 17 de Maio de 2010

estar ou não estar nas redes sociais, um case study pessoal

Penso que começa a ser conhecido o meu vício gastronómico por um bom sushi.

 

Ontem, a caminho de casa, decido ir buscar uma caixa deste manjar. Como passava junto à Beloura lembrei-me que no Fashion Spot (o antigo Beloura Shopping) havia um restaurante de sushi e resolvi ir experimentar. O nome do restaurante: Sushi San.

 

Tive azar. Apanhei, por diversos motivos, um mau serviço. Primeiro demoraram muito, mas isso até nem foi o mais grave, pois por vezes acontece uma avalanche de pedidos. E ou vamos embora ou esperamos. E eu decidi esperar. O Sushi Man foi atencioso e foi pedindo desculpa pelo atraso.

O problema veio no fim pois o pedido estava trocado, não correspondendo ao que tinha pago. E não houve por parte do restaurante um “mimo” extra como um tónico para angariar um cliente que tinha um tempo de espera considerável.

 

Podia ter reclamado no momento, mas como começava a estar tarde, a fome apertava, o meu filho queimava energias e tenho pouco perfil para reclamações e possíveis inerentes discussões, decidi seguir com o que tinha.

 

Em resumo, foi isto que aconteceu.

 

Entretanto entrei no twitter e partilhei a má experiência (com as mensagens a ficarem também no facebook). Fiquei a pensar que estas redes sociais até funcionam como um livro de reclamações de nova geração.

 

Hoje recebi, no facebook, uma mensagem de um proprietário do restaurante, preocupado com o que eu tinha escrito e a pedir se poderia explicar em pormenor o que tinha acontecido. Respondi no momento e acrescentei umas sugestões. Seguiu-se a contra resposta, pedindo desculpas pela situação, explicando os motivos pelos quais ontem tinha sido um dia atípico e agradecendo as sugestões. Fez também um convite para que regresse ao restaurante.

 

E porque escrevo eu isto?

 

Em primeiro porque devo dar o mesmo espaço de destaque ao cuidado, simpatia e atenção do proprietário que dei quando critiquei o restaurante.

 

E depois porque é um pequeno, mas bom exemplo, das potencialidades das redes sociais, neste caso do facebook.

 

Vemos muitas marcas presentes nas redes sociais. Lá está, apenas presentes. E depois não interagem com actuais e potenciais clientes. Não criam relações. Não promovem engagement. E muitas há que não monitorizam o que é dito sobre elas. Neste caso o proprietário estava atento e não ficou quieto. Agiu. E de um já insatisfeito cliente conseguiu alguém disposto a dar um passo atrás e a lá voltar. De alguém a fazer buzz pela negativa, conseguiu, no mínimo estancar a crítica.

 

Até porque fiquei mesmo irritado foi quando cheguei a casa e o sushi era bom.

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 17:46
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 20 de Abril de 2010

A brincar, a brincar … next challenge

No dia 1 de Abril eu e a Joana lá fizemos a nossa mentirinha do dia (aqui e aqui), anunciando a fusão blogosférica do PiaR e do Buzzófias.

 

Era brincadeira, mas que até tinha alguma verdade pessoal e profissional, como bem foi apanhado pelo Briefing (edição impresa).

 

A Meios e Publicidade, atenta, faz hoje notícia da minha entrada, e também da Joana, na Next Power. Agradeço as simpáticas mensagens que me chegaram de amigos e colegas, em especial ao Rui Calafate que tornou pública a sua.

publicado por Rodrigo Saraiva às 17:08
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Abril de 2010

home sweet home

Não é a primeira vez que aqui coloco filmes publicitários. Normalmente porque os acho muito bons. Hoje deixo um que até acho engraçado e um final que provoca sorrisos depois de um "ouch". Mas a principal razão é porque me dá imenso gozo ver um anúncio filmado onde vivi 29 anos e num espaço onde muito brinquei. E também porque aparece o carro da minha mãe.

Em vez de um "mãe, estou na tv", fica um "mãe, o carro está na tv e na net".

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 18:20
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 18 de Março de 2010

PaRabéns!

Parabéns Alexandre!

Que contes muitos e com a qualidade que nos tens habituado aqui neste poleiro.

tags: ,
publicado por Rodrigo Saraiva às 12:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 26 de Junho de 2009

Obrigado JMC

Termina hoje o meu percurso no Grupo GCI.
A vida é feita de ciclos e este terminou.

 

Despedidas não são fáceis pelo que não gosto de me alongar nelas. Mas há algo que não posso deixar de fazer, que é deixar nota pública de agradecimento ao José Manuel Costa por estes quase dois anos no Grupo GCI.

 

Para além do normal percurso escolar e académico, ao longo da minha vida tenho tido a sorte de, a vários níveis, ter tido outras escolas onde muito aprendi. E o Grupo GCI foi certamente uma delas. Neste caso, no âmbito profissional.

 

Deixo no Grupo GCI muitos e bons amigos. E espero, foi o que tentei e sinto, ter deixado o melhor de mim durante os quase dois anos.

 

Tal só foi possível porque alguém apostou em mim. Obrigado JMC!
 

tags: ,
publicado por Rodrigo Saraiva às 09:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 22 de Junho de 2009

Notas do dia - 22 de Junho

Tendo em conta que estou de férias e o mais provável é passar o dia longe do computador, tal como fiz já em outras ocasiões, vou optar pela opção de num post (notas do dia) salientar os factos que penso serem do interesse dos visitantes do PiaR.

Mas também, caso se justifique, voltarei a posts específicos.

Para já, vamos lá às notas do dia de hoje - 22 de Junho.

No seguimento da visita de David Brain a Lisboa, no âmbito do 15º Aniversário do Grupo GCI, eis a entrevista no Jornal de Negócios. Um bom testemunho e visão daquilo que são as Public Relations hoje em dia. E no que diz respeito a comunicação política saliento esta afirmação: "As técnicas de campanha do Obama são quase um retorno à velha maneira de fazer política."

 

Para quem quiser acompanhar o que se vai passando no Festival de Cannes, nesta que é a primeira edição a contemplar secção de prémios para as Public Relations, pode seguir a aventura do João Duarte da Youngnetwork, bem como do convidado do "Do Fundo da Comunicação", Rui Oliveira Marques da Meios&Publicidade.

Para quem não leu, fica o link da entrevista dada por Luís Paixão Martins ao i onde vaticina que "O marketing vale pouco nas próximas eleições" e afirma que Manuela Ferreira Leite "tem todas as condições para ter um bom marketing - e tem-no tido" elogiando Agostinho Branquinho. Existem ainda outras questões de interesse, como a explicação do porquê de não ter acompanhado profissionalmente a campanha do PS nas Europeias.

O Renato Póvoas destaca a atitude empreendedora tanto necessária neste sector. Mais um contributo para demonstrar que os profissionais das Public Relations não podem ficar presos no tempo e devem assumir uma postura criativa e de abertura e adaptação a novas ferramentas e realidades.

Voltando ao inicio do post, o motivo pelo qual onde estive afastado do computador durante o dia deveu-se a um passeio familiar ao Jardim Zoológico de Lisboa. Mas sobre isto falarei em post próprio, depois de descarregar as fotografias da máquina! E porque razão vou falar da minha visita ao Zoo no PiaR?! Depois vêem... PR everywhere ...
 

publicado por Rodrigo Saraiva às 23:35
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Junho de 2009

...

countdown gif avatar

publicado por Rodrigo Saraiva às 16:17
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 30 de Dezembro de 2008

A eficácia da comunicação

 

Ao contrário dos anos anteriores optei por ser pró activo nas mensagens de Boas Festas. Nos dois anos anteriores optei por apenas enviar sms entre o Natal e a Passagem de Ano. Este ano peguei mais cedo no telemóvel e toca de "disparar" mensagens a desejar um Feliz Natal e um Excelente 2009.

 

Peço desculpa aqueles que "incomodei" a altas horas da noite, mas quem deixa o aparelho ligado sujeita-se :)

 

Em 2006 e 2007 recebi, mais ou menos, o mesmo numero de sms de Boas Festas. Com a pró actividade em 2008 o resultado foi que mais que duplicaram as mensagens recebidas de "Feliz Natal".

 

Fica mais uma vez comprovado que vale a pena ser pró activo. A Comunicação é eficaz!

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 00:59
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Setembro de 2008

1 ano

 

10 de Setembro!

 

Fez hoje 1 ano que comecei o meu percurso no Grupo GCI. Iniciei, nesse dia, um novo caminho profissional que significou uma radical mudança na minha vida.

 

Um mail enviado, um "tiro no escuro".

Resultou, cá estou!

 

Obrigado!

tags: ,
publicado por Rodrigo Saraiva às 23:55
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Domingo, 3 de Agosto de 2008

Não há descanso

Mesmo em férias uma pessoa não tem descanso da comunicação, em diferentes vertentes.

 

Ontem, na auto-estrada a caminho do Algarve (só com um L), ao parar numa estação de serviço, deparei-me com um stand da Antena 1 que, entre outros objectivos, distribuía brindes. Hoje à entrada da praia distribuição de insufláveis da Vodafone, na praia a iniciativa de construções na areia do Diário de Noticias, com apoio de várias marcas, e à saída da praia distribuição de jornais gratuitos. E isto em menos de 48 horas.

 

Sem esquecer as incontornáveis avionetas com "cauda" publicitária e as dezenas de folhetos de eventos nos cafés.

 

Bem vistas as coisas, já teve a utilidade de originar um post ;)

 

Em Altura, concelho de Castro Marim, nota de registo para a internet gratuita no centro da localidade. Ao final da tarde são várias as pessoas, inclusive dentro dos carros, de portátil aberto a navegar.

 

Eis o meu postal de verão:

(foto tirada de http://altura.no.sapo.pt/)

 

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 00:05
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 30 de Julho de 2008

Evoluir com respeito pelo passado

Leio na Meios & Publicidade que Edson Athayde foi escolhido para Embaixador do IADE, a escola onde me licenciei, acumulando essa função com a de Director do curso de Marketing e Publicidade.

 

A última noticia que tinha tido do IADE era da mudança na sua estrutura accionista.

 

Os portugueses têm tendência para resistir às mudanças, mas estas, por vezes, são necessárias para dar um novo fôlego a projectos. Por isso não vejo com desconfiança estas noticias.

 

Edson Athayde poderá ser muito útil em algo que defendia quando estudei no IADE, uma maior aposta na vertente de Publicidade do curso.

 

Irei acompanhar com prazer estes novos tempos do IADE. Foram 5 anos da minha vida que não esqueço e ainda hoje não "despi a camisola". E lá me vem à cabeça uma das minhas músicas favoritas, o Fado do Estudante ... "ai que saudades eu sinto em mim do meu viver de estudante".

 

O IADE deve evoluir, acompanhar as novas tendências. Mas para que o possa fazer de forma sustentada não pode esquecer a génese de todo o projecto. O IADE tem uma história rica que não pode ser desperdiçada.

 

No IADE vivi muitas alegrias, mas saí sempre com a mágoa, algo impossível de contornar, de não ter tido a possibilidade de conhecer em vida António Quadros, o seu fundador. Todo o património (material, pedagógico e intelectual) que deixou não pode ser colocado de parte.

 

Uma última palavra de amizade e reconhecimento a António Ferro, um exemplo de humanismo e paixão pelo projecto IADE que não esqueço.

 

 

nota: Blog dedicado a António Quadros

 

tags: ,
publicado por Rodrigo Saraiva às 09:56
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 14 de Julho de 2008

Um comunicador nato

Parei na RTP 1 para ver qual era o tema em discussão no "Pros e Contras" de hoje.

 

Estava a falar um dos convidados que fica sentado na plateia, o Professor  Artur Anselmo.

Continua em grande estilo. Deu um espectáculo, como só ele sabe. Um verdadeiro patriota, um defensor da língua portuguesa!

 

Tive a sorte de o ter como professor na faculdade. É daqueles que nunca esquecerei.

"Linguagem e Comunicação" e "Semiótica da Publicidade" foram as duas disciplinas que leccionou. Obrigado Professor!

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 23:39
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro