Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2009

Alastair Campbell, o novo guerreiro da comunicação política digital do Labour

 

Alastair Campbell

 

Alastair Campbell, o "guru" da comunicação de Tony Blair, o equivalente a um Karl Rove para George W. Bush ou a um David Axelrod para Barack Obama, falou por estes dias à PR Week para manifestar a sua rendição à comunicação "digital".

 

Uma rendição que o mesmo admite ser inevitável, não se coibindo, no entanto, de assumir o desconhecimento e a ignorância sobre algumas ferramentas digitais. Seja como for, Campbell, que dizem as crónicas foi o inventor da "Princesa do Povo" (embora ele tenha dito que a ideia foi do próprio Blair), um dos maiores feitos da comunicação política tradicional dos últimos anos, poderá estar agora a assumir os desígnios da estratégia de comunicação digital do Labour. 

 

Embora admita ser um "convertido tardio" ao potencial do digital, Alastair Campbell rejeita o protagonismo que lhe querem dar na actual estratégia de comunicação política do Labour.

 

Relembre-se que nos tempos áureos do blairismo Campbell foi o inspirador e o gestor da estratégia de comunicação do Nº10 de Downing Street, com resultados claramente comprovados. Agora, e com o actual primeiro-ministro Gordon Brown em situação delicada face às eleições que se aproximam, há quem veja em Campbell o homem certo para liderar o contra-ataque do Labour no mundo digital. 

 

Mas, para quem não quer assumir protagonismo na batalha digital, está particularmente activo nesse campo.

 

Alastair Campbell foi convidado pela New Statesman para ser editor da secção de blogues durante a próxima semana. No seu texto de apresentação, Campbell deixa bem claras as suas ideias em termos de comunicação e demonstra estar a aprender depressa. Há ainda o site e o blogue de Campbell lançados recentemente.

 

A propósito deste último, Ian Douglas do Daily Telegraph disse que o blogue de Campbell era horrível. Não parece que o mestre da comunicação de Blair se importe muito com isso, se se tiver em consideração uma das regras básicas da comunicação, que nasceu precisamente no Reino Unido: bem ou mal, o que interessa é que se fale. Um princípio ainda mais válido quando se fala de comunicação digital.

 

publicado por Alexandre Guerra às 13:47
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro