Quinta-feira, 4 de Dezembro de 2008

Um comunicador nato (4)

Recorda-se a 4 de Dezembro o trágico desaparecimento de Francisco Sá Carneiro.

Tinha na altura 4 anos de idade, pelo que não tenho memória alguma dos acontecimentos. Muito menos da actividade política do próprio. Infelizmente!

 

Tudo o que sei foi transmitido por outros e pela leitura e visionamento de documentos.

 

 

Francisco Sá Carneiro foi um Comunicador Nato, uma das qualidades que detinha e que fez com que mobilizasse e motivasse tanta gente em torno das suas ideias e convicções.

 

Mas até dentro do seu partido enfrentou momentos conturbados. E é em sequência de uma fortíssima cisão no grupo parlamentar que tem uma das suas frases mais marcantes; «Nunca me senti tão sozinho e nunca tive tanta certeza de estar tão certo.»

 

E são várias as frases de Francisco Sá Carneiro que ainda hoje servem de inspiração para muitos. Mais uma razão para poder ser considerado um Comunicador Nato.

Termino com uma, tão simples, tão óbvia, mas infelizmente cada vez menos seguida:

"A Democracia é difícil e exigente, mas dela não nos demitimos".

 

publicado por Rodrigo Saraiva às 16:18
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro