Terça-feira, 15 de Janeiro de 2013

Dan Edelman (1920 - 2013)

 

“Pioneiro da indústria” das public relations. Foi desta forma que a PRWeek se referiu a Dan Edelman, que morreu esta Terça-feira com 92 anos, depois de ter dedicado grande parte da sua vida à credibilização e à inovação de um sector que ganhou notoriedade sobretudo nas últimas décadas.

 

Homem do jornalismo e da comunicação em geral, Dan Edelman viria a fundar a Edelman no ano de 1952, em Chicago, sendo um dos primeiros homens a perceber as virtudes do conceito de “engagement” entre jornalistas e as empresas/produtos.

 

Em apenas poucos anos, Dan começou a construir uma empresa que tinha características muito próprias e que a iriam distinguir de outras agências de public relations.

 

A par da inovação nos conceitos e nos métodos, talvez a principal característica de que Dan Edelman mais se orgulharia seria o carácter familiar da empresa. Aliás, este foi um lema que a Edelman sempre presou e fez questão de enaltecer.  

 

Essa lógica familiar, incutida por Dan, vai muito além da presença dos vários familiares Edelman nas estruturas da empresa, reflectindo-se também no próprio posicionamento independente no mercado internacional. Aliás, a Edelman, que em Portugal é representada pela sua afiliada GCI, orgulha-se de ser a maior consultora privada e independente de public relations do mundo.  

 

Uma das grandes virtudes de Dan Edelman foi a sua resiliência e capacidade de enfrentar e superar desafios, mantendo ao longo dos anos uma constante inovação de conceitos, paradigmas, abordagens e metodologias.

 

Como se pode ler no texto de homenagem da empresa, Dan estava sempre preparado para o próximo desafio e foi essa capacidade de antecipação que lhe permitiu ser pioneiro na área das públic relations

publicado por Alexandre Guerra às 22:47
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro