Quinta-feira, 12 de Julho de 2012

North Atlantic

 

Através do Rodrigo Moita de Deus no 31 da Armada, aqui este poleiro ficou a conhecer o North Atlantic, uma curta-metragem realizada por Bernardo Nascimento, que está neste momento entre os 50 semifinalistas (de um total de 15 000 obras) do Your Film Festival (YouTube).

 

Decorre neste momento a votação para a lista dos 10 finalistas. Estes terão depois o privilégio de abrir o Venice Film Festival, no qual disputarão o tão ambicionado prémio de vir a dirigir uma longa metragem, mas desta vez sob a produção de Ridley Scott  e outros gigantes do cinema.

 

Lembra o Rodrigo, e bem, que parece que este filme de Bernando Nascimento não teve apoios do Estado português. Além ser uma inspiração é também uma lição para todos aqueles que estão constantemente dependentes de dinheiros públicos para fazerem algo "cultural" ou "artístico". 

 

North Atlantic conta a história de um controlador aéreo da ilha do Corvo que durante o seu turno nocturno estabelece contacto via rádio com um piloto de uma pequena avioneta perdida no meio do Atlântico, cujo destino já está traçado.

 

É uma história comovente, mas simples, da comunicação entre dois homens.

publicado por Alexandre Guerra às 22:19
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De José Maria a 18 de Julho de 2012 às 11:33
"Lembra o Rodrigo, e bem, que parece que este filme de Bernando Nascimento não teve apoios do Estado português. Além ser uma inspiração é também uma lição para todos aqueles que estão constantemente dependentes de dinheiros públicos para fazerem algo "cultural" ou "artístico". "

Tanta ideologia numa frase sobre cinema...

Basta ir ver a página de agradecimentos do North Atlantic para ver que a curta não recebeu apoios do Estado português mas recebeu apoios do Governo britânico.

http://www.northatlanticshortfilm.com/9.Thanks.html

Sendo assim, qual é a diferença?

Cumprimentos
De Alexandre Guerra a 18 de Julho de 2012 às 12:28
Caro José Maria,

naturalmente, antes de escrever este post, também eu fui confirmar as entidades que apoiaram o filme em questão.
E depois de ter feito esse trabalho fiquei com a ideia de que estamos a falar de mecanismos que nada têm a ver com os tradicionais "canais" de subsídios nacionais que sustentam alguns (quase sempre os mesmos) cineastas desta nossa praça.
Cumprimentos,
Alexandre

Comentar post

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro