Sexta-feira, 6 de Abril de 2012

Morreu Jim Marshall, o criador do "som do rock"

 

Para a maioria das pessoas é muito provável que o nome Jim Marshall pouco diga, mas para músicos e apaixonados por esta arte é uma referência incontornável da história da música do século XX ou não tivesse sido o inventor dos célebres amplificadores Marshall.

 

Jim Marshall morreu ontem aos 88 anos, deixando um legado imenso. Para quem conhece o som de um Marshall sabe que é inconfundível e não tem paralelo noutras marcas. Aliás, nos últimos 50 anos acabou por ser esta a marca preferida dos grandes nomes da música, sobretudo na cena rock e pop. Hendrix, Clapton, Moore, Slash, apenas para mencionar alguns.

 

Mas tudo começou em 1960 quando Jim Marshall, baterista, abriu uma loja em Londres. Na altura, Pete Townshend, dos Who, chamou-o atenção para o facto de não haver uma marca britânica de amplificadores que pudesse rivalizar com as americanas e que pudesse emitir um som bem mais poderoso.

 

De imediato Jim Marshall criou o seu protótipo, que viria a ser o “som do rock”, e a partir daí estes amplificadores passaram a ser presença assídua na maioria dos palcos mundiais e nos estúdios de músicos.

 

Também o autor deste poleiro foi um dos muitos que optou por um Marshall há já alguns anos e dificilmente o trocaria por outro. Além disso, é daqueles amplificadores da Marshall que ainda foram feitos à “antiga”, com uma excelente qualidade de construção.  

 

Para o som ser celestial, só falta mesmo a guitarra Gibson Les Paul, mas para já, este autor vai-se contentando com a sua Epiphone.

 

Texto publicado originalmente no Forte Apache.

tags:
publicado por Alexandre Guerra às 00:45
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro