Segunda-feira, 19 de Março de 2012

O que não sabia sobre os e-books

 

Muito se tem falado sobre e-books, chegando-se, nalguns países, a discutir a substituição dos livros escolares físicos por e-books.

 

As vantagens são evidentes: valores de produção e compra mais baixos, distribuição mais abrangente e barata, mais ecológicos, alterações mais rápidas, mais interactivos,  entre outras.

 

Sempre mencionei que, para mim, os livros físicos seriam insubstituíveis, centrando-me no prazer que me dá folhear um livro, sentir o seu cheiro,... o que nunca me tinha apercebido era das diferenças ao nível de memorização, compreensão do conteúdo, entre os livros dos diferentes formatos.

 

 

A revista Time apresenta um interessante artigo sobre o tópico, dando a conhecer conclusões surpreendentes. Uma das conclusões é que, para retermos a mesma informação, teremos de ler o conteúdo do e-book mais vezes do que de um livro físico.

 

Esta e outras conclusões são apresentadas no artigo, demonstrando o impacto que o formato dos livros poderá ter na performance dos estudantes e na memorização e assimiliação de qualquer informação. Vale a pena ler!

 

 

 

tags: ,
publicado por Virginia Coutinho às 14:05
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro