Segunda-feira, 7 de Novembro de 2011

Diferentes tempos, diferentes registos comunicacionais

Guns N'Roses, MTV Music Awards 1988
 
Ao ver as notícias sobre os prémios MTV Europe Music Awards 2011, que se realizaram este Domingo em Belfast, saltou logo à memória do autor deste poleiro o registo de outros tempos, mais concretamente de 1988, em que a mensagem de rebeldia era dita com convicção e acompanhada por uma criatividade refrescante e de ruptura, como se de um murro no estômago tratasse (utilizando uma expressão muito em voga).
 
A histórica actuação dos Guns N'Roses com o seu impiedoso Welcome to the Jungle nos MTV Music Awards de 1988 perdurou no tempo, representando um dos marcos de transição entre os anos 80 e 90, com tudo o que a isso está inerente. Tal só foi possível porque o registo comunicacional foi de ímpar criatividade e de provocação genuína, gerando na altura grande revolta nuns, espanto noutros e paixão em muitos. Mas, vendo bem as coisas, só podia ser assim.
 
Hoje, no espaço comunicacional (interprete-se em sentido lato) vive-se uma realidade cada vez mais ascética, obcecada pelo politicamente correcto e que, estranhamento, se infatilizou. As tendências do público reflectem isso mesmo.
 
É por isso que não se estranha a emergência de fenómenos como os de Lady Gaga ou de Justin Bieber (ambos estiveram em Belfast). Na verdade, tratam-se de criações estéreis, de realidades plastificadas, de entretenimento para crianças e para os seus "paizinhos" (que têm na "ponta da língua" os desenhos animados do canal Panda, mas desconhecem o nome do último filme de David Cronenberg).
 
Tudo isto se torna ainda mais evidente quando, num exercício revelador da ausência de conhecimento, se forçam comparações entre diferentes realidades. Por exemplo, tantas vezes se tem comparado Lady Gaga com Madonna. Enfim, cada um faz as comparações que quiser e bem entender, mas convém lembrar o seguinte: Madonna criou arte, revolucionou costumes e incomodou poderes.
 
Provavelmente, a dialética entre diferentes registos comunicacionais reflecte diferentes tempos, tempos que se vão vivendo de formas diferentes.
 
Interpretações (eventualmente subjectivas) à parte, para o registo histórico ficam as actuações de 1988 (em cima) e as de Domingo (em baixo), sendo que para o autor destas linhas não há qualquer dúvida quanto ao momento que se transcende enquanto acto de comunicação. Mas, como nestas coisas das opiniões cada um é livre de ter as que bem entende, o leitor sinta-se à vontade para tirar as suas próprias conclusões.
 
Justin Bieber, MTV Europe Music Awards 2011
 

publicado por Alexandre Guerra às 23:31
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro