Domingo, 18 de Abril de 2010

Humor no World Press Cartoon, mas com o objectivo de fazer pensar

 

Observar a política internacional ou os temas da sociedade em geral através de um cartoon ou de uma caricatura é um exercício que merece sempre muita atenção, porque é no exagero das suas formas e contornos que se revela o mais elementar das problemáticas abordadas. O cartoon e a caricatura têm a virtude de mostrar aquilo que, por vezes, pode estar escondido ou camuflado.

 

Ao visitar este Domingo de manhã a recém inaugurada World Press Cartoon 2010 no Sintra Museu de Arte Moderna, o autor destas linhas constatou que Berlusconi, Barack Obama, Cimeira de Copenhaga, Irão, crise financeira, Michael Jackson, Gripe A, escassez de água, foram alguns dos temas que inspiraram as 400 obras em exposição e que podem ser vistas até 4 de Julho.

 

Simultaneamente ao World Press Cartoon 2010 pode também ser vista uma excelente exposição de desenhos humorísticos e de cartoons assinados por Leal da Câmara (1876-1948), tendo no regime monárquico português parte da sua inspiração, mas debruçando-se igualmente sobre importantes acontecimentos internacionais.

 

Talvez um dos trabalhos mais fascinantes seja um tríptico em que retrata o sistema internacional à beira da II GM, no qual se pode ver um português descansadamente na sesta à sombra de uma oliveira.

 

As duas exposições aqui referidas são uma importante fonte de informação para melhor se compreender o mundo de então e o dos dias de hoje, porque, como dizia o próprio Leal da Câmara, um desenho humorístico não serve apenas para fazer rir, deve servir também para fazer pensar.

 

publicado por Alexandre Guerra às 17:17
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro