Quarta-feira, 6 de Janeiro de 2010

Medalhas, uso as que quero

Eu, como qualquer comum mortal, fico sempre lisonjeado quando me dão alguma importância. Uma vezes é justa e ficamos agradecidos pelo reconhecimento, mas outras não são fundadas e ficamos a achar que nos dão importância a mais ou então essa importância é apenas a de um meio para atingir um fim.

 

Posto isto, três esclarecimentos, sendo dois deles repetidos:
O PiaR não é um poleiro institucional de qualquer entidade.
O PiaR não é "limitado", mas "auto-limita-se".
O PiaR não é a Autoridade da Concorrência, logo não esmiúça negócios. Mas notícias esmiuçamos.
 

publicado por Rodrigo Saraiva às 15:20
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro