Quinta-feira, 10 de Dezembro de 2009

Word of Mouth - Pedro Reis

 

 

Um Ano Especial

 

por: Pedro Reis

Presidente da Imago

 

 

 

O ano de 2009 vai-me ficar marcado na memória, não apenas por ser o da minha entrada no mundo das RP, mas acima de tudo pela importância nuclear da imagem e da comunicação na agenda das instituições quer a nível mundial quer a nível nacional.

 

No rescaldo da crise financeira e depois económica (espera-se que não esteja por vir a 3ª vaga da crise social) que assolou o planeta, há uma crise de valores que é mãe de todas as outras.

 

Antes de um problema de excessos, de ganância e de supervisão, o verdadeiro problema nasceu da brutal falta de ética de muitos (demasiados) actores do establishment dirigente mundial: foi na cabeça que o sistema apodreceu e é no resto do corpo que se está a pagar o seu preço.

 

Com este enquadramento imoral, os agentes económicos e políticos perceberam que toda a sua reputação e credibilidade estavam, no mínimo, em jogo: uns por responsabilidade directa, outros por influência nefasta; certo é que muitos foram contaminados por esta onda de descrença e de desconfiança que minou a base de todo um sistema assente no trust&reliability.

 

E é aí que entra a Comunicação: porque só ela permite, em discurso directo, separar águas, descobrir a verdade e desnudar a falsidade, recuperar o património do bom nome e castigar a herança da mentira.

 

Num ano de afirmação de novas fronteiras tecnológicas e de novos desafios baseados em potentes plataformas de acesso directo aos cidadãos, as RP continuam a ser (mais do que nunca ?) uma via para a recuperação da confiança perdida e para a clarificação da verdade enlameada pelos maus exemplos que grassaram neste período.

 

Basta isto para saber que o sector das RP têm uma profunda responsabilidade e papel cívico na defesa dos que menos sabem, menos podem e mais têm direito à defesa dos seus direitos: se o sector, como um todo, souber contribuir para um mundo melhor (e mais limpo), então o futuro será seu e terá provado (mais uma vez) a razão da sua existência.

 

Termino agradecendo ao Rodrigo Saraiva o simpático convite para participar neste blogue a quem desejo as maiores felicidades e que já não dispenso na minha (nova) rotina.
 

publicado por Rodrigo Saraiva às 09:15
link do post | comentar | favorito

autores

Contacto

piar@sapo.pt

tags

todas as tags

links

twitter wall @blog_PiaR

arquivos

pesquisar

subscrever feeds

Visitas ao poleiro